A Dama de Branco

Veja algumas páginas do livro A Dama de Branco de Graziela Domini e Edsoleda Santos.

Se preferir, utilize as setas do teclado.

Edsoleda Santos

Edsoleda Santos

Natural da cidade de Salvador, Bahia, iniciou sua carreira como artista plástica em 1965. A partir dessa época, desenvolveu as técnicas de bico de pena e aquarela, dando ênfase ao desenho, usando como temas a arquitetura colonial de Salvador e a história em quadrinhos. Mestre em Artes pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (UFBA), pesquisou várias técnicas, como pintura em acrílico, objeto e instalação; estudou temas de religião afro-baiana, procurando mostrar sempre a inter-relação arte, candomblé e natureza. Artista premiada e pesquisadora incansável, não encontrou dificuldade em ilustrar um tema tão profundo, pois, desde a infância, os mistérios da vida a encantaram, fazendo com que buscasse em sua própria experiência, principalmente a que teve com seus familiares, as maravilhosas inspirações que seu talento transforma em ações inspiradoras. Publicou uma série de 7 livros sobre os orixás e lendas africanas pela Solisluna Editora: “Ibejis”, “Xangô”, “Iemanjá”, “Nanã”, “Obalauê”, “Oxum” e “Oxalufã”, sendo autora e ilustradora de todos.

Sobre Graziela Domini



Graziela Domini

Nascida em Nazaré, no Recôncavo Baiano, é psicóloga graduada pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e pós-graduada em Psicologia Analítica. A autora é poeta, escritora de livros infantis, técnicos, peças teatrais e estudiosa do folclore, além de tradutora da língua yorubá. É autora dos livros “A Dama de Branco” e “Papai Noel existe, mamãe? ” publicados pela Solisluna Editora.