Buscar indícios, construir sentidos propõe reflexões sobre leitura, arte, educação e infância

Por Divulgação

"Quem lê se desnaturaliza de alguma forma, dá o salto, desacredita do automático, sente perplexidades, curiosidade, intriga, depois olha, procura, decifra. (...) Busca indícios e ao encontrá-los tem a audácia de construir pequenas cidades de sentido, pequenos universos que habita por um tempo, sem se enraizar definitivamente neles porque terá que continuar lendo.
O leitor é ágil e está sempre insatisfeito."

Buscar indícios, construir sentidos de Graciela Montes publicado no Brasil pelo Selo Emília e Solisluna Editora, reúne 16 ensaios produzidos pela autora argentina que é uma das maiores referências em estudos da leitura na América Latina.

Livro Buscar Indícios, Construir Sentidos

São textos que exprimem seu pensamento crítico sobre questões extremamente atuais, que permeiam conceitos de leitura e infância. Em tempos de pandemia, torna-se especialmente relevante o convite de Graciela:

“voltar a experimentar o tempo – demorar-se na leitura, voltar atrás, reler, saborear uma palavra, e até mesmo ler em voz alta”.

Nesses textos pode-se acompanhar a sofisticação filosófica da autora e tomar contato com os principais conceitos que marcam o seu pensamento. A seleção e edição dos textos é assinada por Silvia Castrillón e foi publicada em 2019 pela editora colombiana Babel Libros. 

A apresentação da edição brasileira é de Stela Barbieri. Nela a artista e educadora brasileira destaca: ”vivemos uma ultravisibilidade na contemporaneidade, sem tempo ou espaço para incubar com vagar o sonho, para ficar na caverna. Na infância, de algum modo, há disponibilidade para viver ritmos, intensidades e velocidades de maneira muito singular. Graciela problematiza a repetição de padrões analíticos e nos convida a experimentar outros modos de olhar. Ela nos convoca a dar lugar ao que nos inquieta, abrindo caminho para estarmos receptivos, para o vazio, para o maravilhamento e o estranhamento, com a potência de nos conectar com os sentidos da existência”. 

Nascida em Buenos Aires, Graciela Montes é autora de mais de 30 livros para crianças. Sua produção literária inclui contos, romances e ensaios. Foi nomeada candidata pela Argentina ao Prêmio Hans Christian Andersen em três ocasiões. Ganhou o Prêmio Pregonero de Honor e obteve diploma da Fundação Konex. Em 2018, recebeu o Prêmio Ibero-americano SM de Literatura Infantil e Juvenil.

 

Leitura e Poder - reflexões por Graciela Montes no VIII Fórum Internacional pelo Formento do Livro y da Leitura



Post anterior


Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados