Blog da Solisluna

  • O olhar terno de Iêda Marques sobre a cultura e o povo da Chapada Diamantina

    A fotógrafa baiana Iêda Marques pertence àquela rara qualidade de gente dotada de tal sensibilidade que consegue compor poesias com as lentes de sua câmera. E o resultado dos seus versos tecidos em imagens pode ser conferido no primeiro trabalho solo da artista, o livro Iêda Marques – Lembranceiras, imaginário e realidade (Solisluna Editora).